Domingo, 20 de Junho de 2021 02:49
(67) 981719389
Dólar comercial R$ 5,07 0.92%
Euro R$ 6,02 +0.62%
Peso Argentino R$ 0,05 +0.88%
Bitcoin R$ 191.408,5 +0.552%
Bovespa 128.405,35 pontos +0.27%
Porto Murtinho PORTO MURTINHO

Prefeito, vereadores e empresários se reúnem para discutir efeitos do decreto e crise na Saúde em Murtinho

Encontro ocorreu no plenário da Câmara Municipal na manhã desta terça-feira.

08/06/2021 14h14 Atualizada há 2 semanas
1.542
Por: Redacao Fonte: Porto Murtinho Notícias
Foto: Porto Murtinho Notícias
Foto: Porto Murtinho Notícias

Porto Murtinho segue em meio Lockdown há 10 dias, falta de leitos e aumento de casos e óbitos, o prefeito Nelson Cintra, a secretária de saúde Estela Neves, empresários e os vereadores reuniram-se para discutir novas medidas que serão adotadas nas próximas horas.

Na pauta de conversas, o prefeito apresentou um balanço dos efeitos das medidas adotadas pela prefeitura no último decreto, entre ela o toque de recolher das 12h às 5hs e que termina no final deste dia.

Segundo o balanço apresentado pela equipe houve uma melhora e diminuição nos casos durante o toque de recolher, porém, os empresários explicaram a dificuldade que enfrentam com a execução do decreto e pedem uma flexibilidade no aumento do horário para o atendimento ao público.

Contestado sobre alguns pontos, o prefeito disse que segue recomendações e se baseia nos dados apontado pela comissão de enfrentamento a Covi-19 no município.

O presidente da Câmara de vereadores, Élbio Balta, disse que os vereadores mantém o que for melhor para preservar vidas, e que ele é a favor que os comerciantes possam trabalhar dentro de um horário que seja adequado, desde que haja medidas de biossegurança, porém, a comissão de enfrentamento é quem decide quais as medidas que serão aplicadas.

Alguns empresários manifestaram suas posições para a secretária de saúde, cada pedido será analisado e nas próximas horas um novo decreto poderá ser publicado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.