Quinta, 05 de Agosto de 2021 14:11
(67) 981719389
Dólar comercial R$ 5,21 0.36%
Euro R$ 6,16 +0.36%
Peso Argentino R$ 0,05 +0.35%
Bitcoin R$ 222.520,32 +1.265%
Bovespa 121.889,14 pontos +0.07%
Porto Murtinho PORTO MURTINHO

Em casa, família de Porto Murtinho faz Festa de São João para não perder costumes

A funcionária pública e decoradora de festas Sylvia Elisanne Arce Ferreira pelo segundo ano consecutivo fez a comemoração em casa para manter todos seguros

24/06/2021 14h29 Atualizada há 1 mês
979
Por: Redacao Fonte: Carlos Yukio
(Reprodução, Arquivo Pessoal)
(Reprodução, Arquivo Pessoal)

Uma das mais tradicionais festas de Mato Grosso do Sul, a Festa de São João mais uma vez teve que ser cancelada devido à pandemia do coronavírus no Estado. Manter essa chama viva é um desafio, mas não impossível quando em um círculo familiar e pequeno. Pensando nisso, a funcionária pública e decoradora de festas Sylvia Elisanne Arce Ferreira fez nesta quarta (23) o São João em Casa e em segurança.

Todo ano a família de Sylvia fazia fogueiras, bandeirinhas, e sempre comemora de um dia para o outro, na véspera do Dia de São João. Em Porto Murtinho, onde moram, a tradição é à meia-noite dar “banho” no Santo, no rio Paraguai. Mas em 2021 e 2020 não foi possível pela pandemia.

“Meus avós faziam a festa com minha mãe e minhas tias... É de família, somos católicos e sempre que podemos comemoramos essas datas comemorativas com brincadeiras e ‘simpatias’ também. Passa de geração em geração. Por isso faço em casa, pra ensinar meus filhos. E, porque eles não podem sair, brincar nos parquinhos, pela pandemia e pela nossa correria do dia a dia, uma forma de se divertirem também”, explica.

Em fotos compartilhadas nas redes sociais, Sylvia mostrou a comemoração em família que contou com decoração e minha mãe montou o kit com bolo de milho, cachorro-quente, arroz-doce, crepe suíço, canjica com amendoim, milho-verde, caldo de piranha e pipoca. A ideia também foi um motivo para manter a prática do trabalho em dia. 

“Eu trabalho com decorações de festa. Mas como está tudo parado, resolvi montar com as coisas que tenho, bem simples. Minha mãe que faz as comidas típicas, inclusive montou kit para vender… As crianças ajudaram a fazer as bandeiras de retalhos, e os outros apetrechos da festa. Sem contar em acender a vela para o menino São João”, finaliza.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.