Terça, 28 de Setembro de 2021
33°

Poucas nuvens

Porto Murtinho - MS

Cidades MATO GROSSO DO SUL

MS em alerta: Após ataque a banco com três mortos em Araçatuba, polícia reforça segurança

Polícia de SP investiga se grupo criminoso teria fugido para o MS após ataques

30/08/2021 às 14h33 Atualizada em 31/08/2021 às 08h03
Por: Redação Fonte: Thatiana Melo
Compartilhe:
Reprodução
Reprodução

Explosões, reféns, um mega assalto a um banco em Araçatuba, interior paulista, durante a madrugada desta segunda-feira (30) deixou as forças de segurança de Mato Grosso do Sul em alerta. Durante o ataque, três pessoas morreram.

Segundo o capitão do Bope (Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar), Moreira, as forças de segurança de Três Lagoas foram avisadas sobre o assalto e um pedido de alerta foi feito para que fosse reforçada a divisa com São Paulo, já que existe uma possibilidade de que os criminosos tenham tentando atravessar para Mato Grosso do Sul. Mas, as autoridades de segurança acham pouco provável que os criminosos tenham vindo para o Estado. 

O assalto em Araçatuba espalhou terror na cidade. Segundo informações do UOL, participaram do crime entre 20 e 30 criminosos. Explosivos foram espalhados nas ruas e moradores usados como escudos humanos. Vídeos gravados pelos moradores mostram os reféns colocados em cima de capôs de carros, e um outro do lado de fora pendurado.

Três agências bancárias foram invadidas pelos criminosos. Durante o assalto, três pessoas morreram, sendo dois moradores da cidade e a terceira vítima seria um integrante da quadrilha. Os outros reféns já teriam sido liberados. O valor levado pelos criminosos não foi revelado.

Assaltos a bancos em MS x explosões

Um dos casos que mais teve repercussão no Estado foi a explosão do Banco do Brasil em Sonora. Em 18 de abril de 2016, grupo fortemente armado explodiu a agência do Banco do Brasil. Além de explodir o banco, membros da quadrilha permaneceram na frente da delegacia da cidade, além do batalhão da Polícia Militar, atirando a todo momento para evitar que os agentes conseguissem sair. O banco foi totalmente destruído. Dois meses e meio depois, parte da quadrilha foi apresentada pelo Garras e Ronalth já havia sido identificado e indiciado.

Já em Pedro Gomes, cidade a 296 quilômetros de Campo Grande, uma agência bancária foi alvo de bandidos, no dia 10 de novembro. O Corpo de Bombeiros teve que ser acionado para conter as chamas da agência bancária que foi arrombada e explodida pela quadrilha. Os suspeitos teriam utilizado dois carros e armamento de grosso calibre. Na fuga, eles chegaram a espalhar ‘miguelitos’, artefatos feitos com pregos para dificultar a ação policial e evitar perseguição.

Em abril de 2019, uma quadrilha que explodiu um cofre de uma agência bancária, na cidade de Coronel Sapucaia, a 380 quilômetros de Campo Grande, teria levado o valor de R$ 100 mil do banco. Houve tiroteio na cidade que assustou os moradores e durou aproximadamente 1 hora. A quadrilha usou fuzis, um super lança-chamas e bombas para abrir o cofre do banco.

Túnel cavado e quadrilha presa

Na noite do dia 21 de dezembro de 2019, os policiais do Garras estavam na região do Coronel Antonino, onde fica localizada a casa usada para escavação do túnel. Os investigadores perceberam movimentação no local e decidiram fazer a atuação para desmantelar a organização criminosa.

Já por volta da 1h do dia 22, a equipe voltou ao local e percebeu um grupo deixando a casa em um caminhão e uma Hilux. A equipe viu os automóveis na Rua Dolor Ferreira de Andrade, na esquina com a Rua do Rosário, quando foi feita a primeira abordagem. O motorista do caminhão jogou o veículo contra um dos policiais e a ação foi revidada a tiros.

Ele ainda conseguiu fugir num primeiro momento e, em seguida, foi feita abordagem aos ocupantes da Hilux, que estavam com pistolas em punho e atiraram contra os policiais. Os disparos foram revidados e eles chegaram a ser encaminhados para a Santa Casa, deram entrada na área vermelha, mas não resistiram aos ferimentos.

Os policiais conseguiram localizar o condutor do caminhão já nas proximidades da Santa Casa, buscando por atendimento médico. Ele foi preso em flagrante. As equipes fizeram buscas em casa no Zé Pereira e prenderam mais cinco envolvidos. Já em outra casa na Rua Iguassu, no Amambaí, foi detido um homem. Com ele, foram apreendidos vários aparelhos celulares, entre outros aparatos. Os integrantes da organização criminosa foram apresentados em coletiva de imprensa pelo delegado responsável, que também mostrou junto de equipes de policiais do Garras o túnel escavado pelos criminosos, que responderão por roubo majorado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Porto Murtinho - MS Atualizado às 10h51 - Fonte: ClimaTempo
33°
Poucas nuvens

Mín. 25° Máx. 38°

Qua 38°C 27°C
Qui 39°C 27°C
Sex 40°C 28°C
Sáb 39°C 27°C
Dom 39°C 29°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete