Domingo, 29 de Maio de 2022 05:34
(67) 981719389
Celebridades & Tecnologia TECNLOGIA

Elon Musk, homem mais rico do mundo, compra o Twitter por US$ 44 bi

Rede social aceita proposta de bilionário e, agora, será uma empresa de capital fechado. Analistas acreditam que política de moderação de conteúdo deve mudar

25/04/2022 19h00
67
Por: Redação Fonte: Agências internacionais e O Globo
Reprodução Internet
Reprodução Internet

O Twitter aceitou a proposta de compra feita por Elon Musk, o homem mais rico do mundo, após uma reunião entre o empresário e executivos da rede social no domingo. O anúncio foi feito na tarde desta segunda-feira.

Usuário e protagonista de muitas polêmicas na rede social, que tem quase 440 milhões de usuários no mundo, ele agora promete mudar seu funcionamento como dono.

Em comunicado, o empresário defendeu a "liberdade de expressão", prometeu combater robôs e cogitou "autenticar" todos os usuários.  O fundador da gigante de carros elétricos Tesla e da companhia aeroespacial Space-X torna-se agora mais um magnata das redes sociais, como o líder do Facebook, Mark Zuckerberg.

A oferta feita aos acionistas por Musk prevê o pagamento de US$ 54,20 por ação, o que avalia a plataforma em US$ 44 bilhões (quase R$ 215 bilhões), um preço 38% acima do valor em Bolsa da empresa em 1º de abril, antes da proposta do bilionário.

É assim uma das maiores aquisições da história no mundo dos negócios. Com 16 anos de existência, a rede social que virou um fórum de debate público em vários países vai se tornar, agora, uma empresa de capital fechado. E, segundo analistas, deve ter sua política de moderação de conteúdo revista.

'Liberdade de expressão é a base de uma democracia', diz Musk

“Liberdade de expressão é a base de uma democracia funcional, e o Twitter é a praça digital onde temas vitais para o futuro da humanidade são debatidas”, afirmou Musk em um comunicado nesta segunda-feira, que ele reproduziu em sua conta na rede social seguida da expressão "Yesss!!!".

Ele também deu sinais do que pretende mudar na plataforma: "Quero tornar o Twitter melhor do que nunca, aprimorando o produto com novos recursos, tornando os algoritmos de código aberto para aumentar a confiança, derrotando bots de spam (robôs que replicam mensagens) e autenticando todos os humanos."

Mais cedo, antes do anúncio do acordo, ele havia tuitado: "Espero que até os meus priores críticos continuem no Twitter, porque isso é o que liberdade de expressão significa".

O CEO do Twitter, Parag Agrawal, tambem se manifestou na rede social: “O Twitter tem um propósito e uma relevância que impacta o mundo todo. Muito orgulhoso de nossas equipes e inspirado pelo trabalho, que nunca foi tão importante”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.