Banner Assembléia Legislativa 2020 ALMS MAIS
Porto Murtinho MS

Em reunião com prefeito e proprietário de Porto, câmara cobra solução para 13 de junho

Mais de 50 carretas por dia estão passando pela 13 de junho

28/02/2020 17h26Atualizado há 1 mês
Por: Redacao
Fonte: Assessoria CMPM
502

Em reunião na manhã desta sexta-feira (28) no gabinete da Câmara, os vereadores apresentaram perante o prefeito Derlei Delevatti, o secretário de infraestrutura Helton Benites e o proprietário da FV Cereais, Piter Ferter, os problemas enfrentados pelos moradores da Rua 13 de junho, rota que está sendo utilizada temporariamente pelas carretas para acesso ao porto.

Conforme explicou o prefeito, mudanças já estão sendo aplicadas no sentido de organizar o fluxo dos caminhões, no dia 27 de fevereiro a prefeitura publicou através de um decreto onde estipula horários para o tráfego das carretas. Ficou estabelecido a proibição de circulação de veículos pesados dentro do perímetro urbano fora dos horários fixados que será das 06h às 07h15min, das 11h às 13h15min e das 17h às 18h.

Também está proibido o estacionamento destes veículos em locais públicos. Mesmo sendo utilizada como uma rota temporária com a futura construção do Anel Viário pelo Governo do Estado, a Câmara de Porto Murtinho estuda transformar o decreto do executivo em Lei municipal.

Os vereadores questionaram sobre as condições que a rua se encontra atualmente, poeira, falta de sinalização, residências que estão tendo suas estruturas afetadas devido ao peso dos caminhões e também sobre a galeria construída há anos, e que passa em dois pontos da Rua 13 de junho.

De acordo com o proprietário da FV Cereais Piter Ferter, a empresa se responsabilizou para a colocação das pedras britas na 13 de junho e também fará  a verificação destas galerias. Questionado sobre o dique é utilizado como retorno das carretas, ele confirmou que a empresa já fez todo o reparo neste percurso e caso haja necessidade a empresa se responsabiliza pela manutenção.

Questionado sobre a poeira, o secretário afirmou que já existe um caminhão pipa molhando o trajeto, a empresa também disponibilizou um caminhão para reforçar este serviço para evitar o problema.

Ainda nesta semana, serão fixadas as placas de sinalização e também alguns redutores de velocidade, vale ressaltar que estes pedidos já foram solicitados pelos vereadores através de indicações.

A reunião ocorreu no gabinete do presidente Flávio Abreu e contou com a presença de todos os parlamentares, o chefe do executivo, o secretário de infraestrutura, o proprietário da FV Cereais e o responsável Osvaldo Anastácio Filho.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.