Terça, 29 de Setembro de 2020 10:24
(67) 996972768
Porto Murtinho PORTO MURTINHO

Aposentado de 90 anos sobe em árvore de 8 metros para afastar aves e leva bronca de filho:

Morador de Porto Murtinho, Nazaré Lopes dos Santos queria afugentar araras que pousavam na árvore do quintal, sujando o terreno. Sozinho, aposentado armou equipamento para afastar os animais e levou bronca do filho, que mora na Espanha.

26/08/2020 17h41 Atualizada há 4 semanas
698
Por: Redacao Fonte: Por João Pedro Godoy, G1MS
Nazaré Lopes dos Santos, de 90 anos, em escada que utilizou para subir na árvore na residência dele em Porto Murtinho (MS) — Foto: Edicarlos Oliveira
Nazaré Lopes dos Santos, de 90 anos, em escada que utilizou para subir na árvore na residência dele em Porto Murtinho (MS) — Foto: Edicarlos Oliveira

A vitalidade de um aposentado de 90 anos em Porto Murtinho, próximo da fronteira entre Mato Grosso do Sul e Paraguai, chamou a atenção do radialista Edicarlos Oliveira. Amigo e vizinho de Nazaré Lopes dos Santos, Edicarlos notou um novo adereço no topo da árvore do quintal da residência ao visitar o aposentado. A história de como a proeza foi realizada gerou risadas entre os amigos da cidade e também na família de Nazaré, espalhada pelo Brasil e até na Espanha.

O aposentado conta que se mudou para a cidade há 40 anos, para auxiliar nos cuidados da fazenda de um colega. "Vim com esposa e filhos e tive três crianças que nasceram aqui. Hoje tenho filhos em São Paulo, Mato Grosso do Sul e um até que mora na Espanha. Eu mesmo gosto muito daqui e mesmo depois da morte da minha esposa no ano passado, continuei na cidade e quero ficar em Porto Murtinho", afirma.

No vídeo gravado por Edicarlos, Nazaré conta, com muito bom humor, como fez para montar a "gambiarra", como ele mesmo descreve, e afastar algumas araras que pousam na árvore e sujam o quintal do aposentado. "A árvore tem cerca de 8 metros de altura e atrai muitas aves, que acabam comendo os frutos e derrubando muitas coisas. Meu quintal não parava limpo um dia!", conta.

Para afugentar os visitantes incômodos, Nazaré pensou em montar uma espécie de sino no topo da árvore para tocar quando muitas aves se juntassem no local. "A intenção é só puxar quando tiver muita aglomeração delas e afastá-las só com o barulho", diz. O aposentado pediu a escada emprestada de um amigo, bacia, arames e amarrou na cintura para subir e montar a "arapuca". Faltou coragem, porém, para contar a peripécia para o filho.

"Quando fui falar para o Daniel, que mora na Espanha, disse que iria contratar alguém jovem para fazer o serviço. Eu percebi que ele desconfiou, mas não falei mais nada. Depois que deu certo, aí contei pra ele, que ficou todo bravo comigo, achando perigoso. Mas falei que estou perfeito, e agora com o vídeo virou história pra ele contar lá na Espanha".

De acordo com o aposentado, o segredo para tanta vitalidade é a vida saudável, depois de ter mudado os hábitos pela religião. "Quando eu tinha mais ou menos 30 anos, decidi mudar a minha vida após conhecer a Igreja Evangélica. Parei de fumar, de beber, casei com a minha esposa e fiz uma família muito bonita, com 8 filhos. Meu segredo foi aceitar Jesus e me preocupar em criar os filhos e dar uma boa vida a minha família", comenta.

Perguntado se pretende continuar "se aventurando" em situações mais arriscadas, Nazaré se esquiva. "Já não estou jovem mais não é? Vivo aqui em meio a amigos, mas moro sozinho em casa. Cozinho, lavo e passo roupa, faço de tudo. Não é que estou derrotado, mas na idade que eu estou não quero mais ter esposa ou companhias. Gosto da liberdade, de não ter preocupações. Então o que precisar fazer por aqui, eu vou fazer", finaliza.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.